Atualizações

[COLUNA] Fanfics com esporte ou fanfics de esporte?

Esse foi um questionamento que surgiu em minha mente quando pensei sobre a primeira história que postei. Era uma história classificada na categoria de esportes, o protagonista era fixo e era um jogador, era indicada como fic de futebol, mas o esporte em si estava todo em segundo plano. O foco da minha história era o relacionamento entre os principais, o esporte tinha poucas aparições e eram sempre muito básicas e superficiais, trabalhando apenas com o que é conhecimento geral do futebol.

Claramente a minha história era uma fanfic com esporte. Conheço algumas em que o esporte é o tema principal e tudo gira em torno disso e curiosa para saber a opinião de leitores sobre o tema, fizemos um questionário e vou trazer o resultado para vocês. Pode ser que se identifiquem com os mesmos pontos enquanto leitoras e, para autoras, foram dadas algumas dicas que podem ajudar a escrever algo do tema ainda melhor.

Futebol é o tema preferido em fanfics esportivas e é o único tema que toda leitora já conheceu uma história. Apesar da distância para as outras respostas, patinação no gelo, Fórmula 1 e Hóquei são outros dos temas de maior interesse em leitura. Já os esportes com maior interesse, mas que nunca encontraram uma sobre, natação é o líder, seguido por patinação no gelo e vôlei. Outras respostas interessantes que surgiram foi ginástica artística, beisebol, surf, futebol americano e e-sports. Se vocês conhecem histórias com algum desses, ajudem na divulgação e se já tiveram vontade de escrever sobre, existem pessoas interessadas na sua história!

Outra ponto que me deixou em dúvida era se o público busca essas fanfics pelo esporte em si ou pelo atleta. Para a maioria das pessoas esses dois tópicos são associados, ou seja, o interesse pelo profissional automaticamente leva ao interesse da profissão e vice-versa. A maioria também acredita que eventos como Copa do Mundo ou Olimpíadas aumentam a vontade de ler com esse tema e responderam, ainda, que leria sobre esportes mesmo que não entendessem deles.

Sobre a questão inicial, apenas 19% deseja que o foco central da história seja o esporte. Para o restante, a forma como é abordado não é tão relevante, pode ser em primeiro ou segundo plano, desde que a história seja boa e envolvente.

E da mesma forma que muitas foram elogiadas, as leitoras também pontuaram coisas que as desanimam e que traremos aqui como dicas para as autoras de histórias desse tema.

– Pesquisem sobre os esportes, as regras e os procedimentos, para algumas pessoas  o interesse acaba quando as regras são inventadas e fogem muito da realidade. Lembrem-se também de que quem está lendo pode não conhecer todos os aspectos ou termos técnicos, então não custa nada dar uma explicadinha, né?

– Tentem retratar a rotina dos personagens de forma mais realista, por mais que ele esteja numa fase ótima, ele não é perfeito, não é mesmo? Ele pode se machucar, se lesionar, ser repreendido por algum comportamento e ele também precisa treinar e se dedicar.

– Por mais que você imagine o seu protagonista, considere a hipótese de deixá-lo interativo. Algumas pessoas não conseguem ler com determinados atletas, mesmo que a sua história seja maravilhosa (e sabemos que isso acontece muito, principalmente se é de um time adversário).

– E linkando ao tema da coluna passada, lembrem-se de trabalhar na protagonista também. Algo apontado como desanimador para algumas pessoas é o fato de a vida da principal se tornar complemento da vida do protagonista, se anular em função dele, seja porque ela largou tudo para que ele vivesse o sonho dele ou porque nada acontece na vida dela e tudo gira em torno dele.

Se você tem interesse em histórias assim, não deixe de incentivar as autoras. Pode ser que alguma delas esteja querendo escrever mas não leva a ideia adiante por achar que ninguém se interessaria.

Por Lari Carrião.