Atualizações

[REVIEW] Coldplay no Rio de Janeiro

[REVIEW] Coldplay no Rio de Janeiro

Review – Coldplay – Rio de Janeiro – 2016

A turnê A Head Full of Dreams, do Coldplay, contou com duas apresentações no país no ano de 2016, sendo a última delas no dia 10 de abril, no Estádio do Maracanã. Marcado para às 21 horas, o show contou com duas atrações de abertura, Tiê e a cantora britânica de funk-soul Lianne La Havas e teve cerca de 66 mil pessoas.

Ao som de “O mio bambino caro” e imagens de fãs nas cidades por onde já haviam passado, a banda subiu ao palco e iniciou o repertório com a música que dá nome à turnê. Nesse momento as pulseiras entregues na entrada para cada espectador começaram a brilhar, o que já deu uma magia ao show.

Yellow veio a seguir e o coro do público foi audível. Seguida por Every Teardrop is a Waterfall e The Scientist, outra bastante famosa do grupo. Depois de Paradise, eles seguiram para o palco B, que era uma extensão do palco principal. Nesse palco tocaram Everglow, Princess of China e Magic, e retornaram ao palco principal em seguida.

Durante toda a apresentação os fãs foram surpreendidos pelos efeitos como lasers, fogos, borboletas e balões gigantes. Além das pulseiras que piscavam de acordo com a batida de cada música e também com cores variadas, em alguns momentos voavam os pequenos papéis coloridos, que diferente da maioria dos shows, tinham várias formas diferentes.

A setlist contou com 24 músicas no total, e sucessos como Clocks, Viva la vida, Adventure of a Lifetime e Hymn for the weekend não ficaram de fora, assim como a emocionante Fix You. Deram então uma pausa e então aconteceu o que grande parte provavelmente não esperava, apareceram no palco C, um palco dentro da pista comum e muito próximo das cadeiras e arquibancadas.

Apenas três músicas foram cantadas nesse palco, Parachutes, Shiver e A Message. Retornaram então ao palco principal para o encerramento da apresentação, e durante a música A Sky Full of Stars, o vocalista, Chris Martin, parou a canção e chamou três casais ao palco, que declararam seu amor e fizeram pedidos de casamento! Sim, foram três pedidos de casamento!

Encerraram com Up&Up e dizendo “Voltaremos em breve, amamos vocês”. Não só o vocalista como toda a banda tiveram muita presença de palco, muita interação e muito carisma e com certeza foi um show para guardar na memória.

Havia ingresso para dez setores diferentes e os preços foram de R$ 100 (cadeira superior 2 e 5, meia) a R$ 680 (pista premium inteira). Mesmo considerado alto o valor, todos os ingressos foram vendidos o preço do consumo lá dentro foi alto, assim como todo o merchandise oficial.

Por Lari Carrião.